Sorvete cremoso de cacau

Mais um impasse

Tinha tudo pronto para postar esta receita de sorvete cremoso no dia 23 de setembro.  Texto editado, fotos, a inspiração a mil, maaaaas…. claro que fiquei sem notebook!  Tão cansada me senti desse vai-e-vem para a assistência técnica que respirei fundo e dei meu próprio grito de Ipiranga: Cheeeegaaaaa!  Resolvi me libertar deste trambolho capenga que a toda hora me deixava na mão!
Tudo ocorre em ciclos nesta questa vita maledeta, né?  E o coitadinho (não vou ser ingrata, também…) que, tão fielmente me acompanhou por anos e anos, agora precisava descansar.  Sem tempo de bater perna, comprei pela internet seu substituto.  Claro que não é muito fácil se adaptar às novidades (principalmente para nós, pessoas mais…”maduras”).  Windows 10, teclado diferente, até navegador!  Uffff, mas agora que mais ou menos tenho o bichinho dominado, vou retomar as postagens, porque há muita coisa gostosa esperando!!!!
E começo pela receita que havia ficado na espera, mesmo de forma atemporal, a deste sorvete que é maravilhoso.    Atemporal em termos, né?  Para mim todo dia pode ser dia do sorvete!
Vamos lá?  E o texto começava assim…

23 de setembro: dia do sorvete

Eu não sei se todo ano fico mais feliz com a chegada da primavera ou com a festa e badalação em torno do meu amado do coração, o sorvete.  Creio que a junção dessas coisas tão boas é que me faz tão feliz.  Pode haver algo mais maravilhoso do que comemorar a chegada da estação das flores com um delicioso sorvete?  Eu amo!  Por isso trago hoje esta receita maravilhosa.

Sorvete cremoso

Foi já há um bom tempo que passou na TV a receita deste sorvete cremoso de cacau e eu fiquei com os olhos vidrados.  Acho muito engraçada essa expressão.  Ficar com o olhar parado…congelado!  Bem coerente com o efeito de olhar para um sorvete rsrsr.
Foi no programa da Ana Maria Braga.  Ela o chamou de picolé de chocolate 5 latas, por causa das medidas de ingredientes.  Eu só sei que fiquei fascinada com a imagem, querendo…não, DESEJANDO saboreá-lo.  Corri para a cozinha e o resultado foi realmente divino!

Uma questão de técnica

O sorvete fica bem cremoso.  Por isso, o ponto crucial para finalizar bem esta delícia é o ato de desenformá-lo, especialmente se quiser servi-lo no formato de picolé.  Deve estar bem gelado,  ficando umas 4 horas, pelo menos, no congelador.  Outro ponto importante é que você não precisa (não deve!) puxar pelo palito.  Basta deixar correr um pouco de água por fora da forma ou copinho, a semelhança do que fazemos com as forminhas de gelo, para ele se soltar.
A Ana Maria sugeria mergulhar em um recipiente com água quente e eu, obediente que sou, segui essa orientação.  Por causa disso, e com o tema de tirar as fotos, alguns começaram a derreter demais, mas tudo bem.  Todos esses “problemas” viram pó quando você saboreia esta delícia.  Nem lembra deles porque é gostoso demais!

Classificação da Receita

  • (0 /5)
  • (0 Classificação)

Instruções

1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
1 lata de leite (use a mesma lata dos ingredientes anteriores para medir ou, então, meça 1 e ½ xícara)
1 lata de leite em pó (use a mesma lata para medir ou, então, meça 1 e ¼ xícara)
1 lata de chocolate em pó ou cacau (usei cacau, porque achei que ficaria doce demais com achocolatado, e creio ter acertado)
1 colher (sopa) de gelatina em pó sem sabor

PREPARO:
Coloque no liquidificador os cinco primeiros ingredientes.  Hidrate a gelatina em 1 colher (sopa) de água e adicione-a.  Bata até ficar homogêneo.
Despeje em forminhas de picolé.
Se preferir, pode usar copos descartáveis.  Depois de um par de horas, quando o sorvete estiver mais firme, introduza os palitos.
Deixe por mais um par de horas no congelador.   Se levar ao freezer eles endurecerão muito, ficando congelados, mas, se deixar no congelador, ficam perfeitos, cremosos e bem gelados.
Para desenformar deverá mergulhar as forminhas de picolé em uma bacia com água quente por uns segundos.
Outra alternativa é servi-los em tigelinhas de sobremesa ou, mesmo, em copinhos de licor.  Dessa forma não precisará desenformar.
Saboreie sem moderação!  E depois vá malhar...rsrsrs

Sobre o Chef

Diana Marília

Texto sobre quem escreve

Você também vai gostar de: