Rocambole de carne com tomate seco e rúcula

Mais um!

Olha aí mais uma receita deste prato que é um dos maiores coringas dentro da cozinha.  Tem carne moída, temperinhos e um ovo em casa?  Pronto!  Já da pra fazer um rocambole!  E no recheio?  Abra a geladeira, dê uma boa olhada e inspire-se!  Só não vale colocar geleia de morango! Hahaha
Brincadeiras à parte, vale a pena aprender o passo-a-passo básico para ter um rocambole suculento e gostoso, porque você o prepara com facilidade, varia os recheios e pode inovar no seu cotidiano!
Já mostrei no blog o rocambole de carne com cream cheese, que ficou bem interessante, por exemplo.

Tomate seco e rúcula

Você é de qual turma?  Dos que amam essa combinação ou dos que torcem o nariz e não compreendem esse sabor?  Eu, decididamente, amo de paixão.  Nos sanduíches, com pão integral ou pão pita, no risoto, na pizza!  Calzzone, onde for!  E hoje, neste rocambole de carne.
Não tem jeito, se coexistem em minha geladeira um vidro de tomate seco e um maço fresco de rúcula, parece que eles se dão as mãos e começam a pular na minha frente dizendo: “olha nós, aí, gente!  Não vai nos comer?”  kkkk
(Tem dias que minha imaginação anda fértil demais, queiram me desculpar…)

Tomate seco

Há inúmeras receitas de tomate seco pela internet.   Se você tem disposição, tempo, e não se importa com a conta da luz ou do gás, dependendo de qual for seu forno, pode prepará-lo em casa.  Amo coisas feitas em casa, mas, no caso do tomate seco, pelos fatores que acabei de enumerar, sempre opto por comprá-lo pronto.  Leva muito tempo assando!
Ele dura bastante na geladeira, pois é uma conserva.  Nas massas também é delicioso!
Vamos à receita de hoje?

Classificação da Receita

  • (0 /5)
  • (0 Classificação)

Instruções

Pique a cebola, o alho e o pimentão.  Higienize a rúcula.
Em uma frigideira coloque o azeite e salteie a cebola até dourar.  Acrescente o alho e o pimentão e deixe refogar mais um pouco.  Retire e reserve.
Em uma tigela coloque a carne moída, acrescente o refogado e tempere a gosto.
Junte o ovo, a farinha de rosca e misture bem com garfo ou com as próprias mãos até ficar homogêneo. Experimente (ou você não come quibe cru?) e corrija o sal, se necessário. Abra um saco plástico (ou utilize dois, um debaixo e o outro em cima), para abrir a carne em formato retangular e de fina espessura.  Pode fazê-lo achatando-a com as próprias mãos ou usando um rolo de macarrão, o que facilita as coisas e deixa ainda mais regular.
Você pode deixar bem retos os lados levantando o plástico e sobrepondo a carne (“puxando-a” para dentro).
Distribua os tomates no centro, abertos, a rúcula e as fatias de mussarela.
Com auxílio do plástico enrole tudo formando o rocambole, e pressionando todo ele e as extremidades, para que não abra.
Espalhe um fio de azeite sobre um pedaço de papel alumínio e acomode o rocambole sobre ele, fechando o papel em volta.
Leve para assar por uns 30 minutos fechado.   Retire o papel, espalhe um pouco de queijo ralado por cima e leve ao forno de volta até dourar.
Sirva quente, morno ou frio.
Hummmm!

Sobre o Chef

Diana Marília

Texto sobre quem escreve

Você também vai gostar de: