Carne assada na mostarda

Fraldinha!!

Há coisas que se gravam na nossa mente como aquelas marcas feitas pelos pecuaristas no lombo de seu gado: a ferro!  Nunca mais nos livramos delas.
A palavra fraldinha, sempre me remete à lembrança da categoria de futsal em que meu filhote ingressou quando era pequenino.
Os pais, todos corujas e abobalhados, entoávamos -divertidos – o “grito de guerra” da equipe “FRAAAL-DINHA-, FRAAAL-DINHA!!!
SUUU-JINHA, SUUU-JINHA”
Numa alusão direta à idade de nossos grandes atletas que mal tinham deixado de usar fraldas…srrsrsrs

Boutique

A carne idealizada por quem postou inicialmente esta receita foi a fraldinha. É uma carne de fibras longas, um pouco dura, mas assada ou ensopada fica boa.  É a carne que reveste o abdome do boi.
Você pode utilizar este corte ou uma maminha, se preferir.
Seja lá qual for, é importante que você “faça a boutique” na carne, isto é, que a limpe, retirando-lhe as gorduras.
Fiquei bastante chateada quando conferi o tanto de gordura que veio na embalagem que comprei.  Em uma peça de oitocentos e poucos gramas, mais de duzentos eram de gordura.  Foi parar no lixo 25% do que comprei.  Me senti enganada.
Mas, enfim! Bola pra frente!

Fraldinha assada na mostarda

Assim  era o nome desta receita de carne assada na mostarda no site da gshow onde a encontrei.  A segui bastante à risca e ficou muito saborosa.  Eles sugeriam acompanhar com batatas, esfregando-as no que ficou grudado na assadeira, depois de pronta.  Não deixa de ser uma ótima ideia!

Classificação da Receita

  • (0 /5)
  • (0 Classificação)

Instruções

Inicialmente, “faça a boutique” da carne, retirando-lhe todas as gordurinhas.
Amoleça a manteiga, tirando da geladeira com antecedência ou colocando uns quinze segundos no micro-ondas na função descongelar.
Descasque e triture o alho.
Tempere a carne já limpa com sal e pimenta a gosto.
Misture em uma tigelinha a manteiga amolecida com o alho triturado, a mostarda e as ervas finas.
Passe este molho de ambos lados da carne e leve-o ao forno pré-aquecido a 200⁰C por aproximadamente 50 minutos.
Passados uns dez a quinze minutos, pode regar a carne com a calda que se forma, e repetir isso mais um par de vezes.
Sirva quente, fatiada, depois de deixar descansar por alguns minutos para que não perca muito líquido.
Se fizer batata cozida para acompanhar, pode fazer como sugerido naquele site, esfregando-as na “borra”que se forma na assadeira, para conferir-lhes cor e sabor.
Bom apetite

Sobre o Chef

Diana Marília

Texto sobre quem escreve

Você também vai gostar de: