Batata Haselback ou batata laminada

Batata Haselback: a charmosa batata laminada, com azeite e alecrim

Batata haselback…o que será?
Antes disso, vamos lá, vou fazer uma pesquisa: Quem ama batata levante a mão!
– Eeeeeeeeuuuu!! \o/ \o/ \o/ \o/
Será que ouvi você gritar junto? =D
Batata aqui em casa é sinônimo de sorriso no rosto.  Como gostamos!
Por isso, obviamente que esta preparação mais caprichada e charmosa, a chamada batata hasselback (ou batata laminada) também faria tremendo sucesso.
Existem diversas formas de prepará-la, principalmente variando nos recheios. Antes de fazer esta eu havia comido com queijo.  Mas me encantei por esta receita garimpada do blog da querida Tatiana, o Panelaterapia.  Louca que sou por batata, ervas frescas e receitas minimalistas, me apaixonei na hora.
A única alteração que fiz foi assá-las embrulhadas em alumínio, para acelerar o tempo de cocção (de mais de duas horas ficou em uma hora, somente).  Uma delícia! Excelente acompanhamento para carnes ou para o que você quiser (olha meu lado “batateira” berrando, gente!).
Elas ficam crocantinhas por fora e macias, quase cremosas, em seu interior.
Ah, sim, esta batata tem esse nome, pois foi criada em um restaurante sueco, na cidade de Estocolmo, chamado Hasselbacken.  Thanks, Google!! ;D

Classificação da Receita

  • (5 /5)
  • (1 Classificação)

Instruções

Lave e pique o alecrim (deve dar umas 3 a 4 colheres (sopa).  Misture-o em uma tigelinha com o azeite e o sal e deixe assim por meia hora, para que o azeite se impregne pelo sabor da erva.
Preaqueça o forno em temperatura alta.  Forre um refratário pequeno com alumínio deixando uma parte maior para cobri-lo.
Higienize bem as batatas (ficarão com a casca!).  Corte uma tampinha rasa em cada uma para que fique como base e elas não “dancem” na assadeira.
Com uma faca bem afiada faça fatias finas em toda a batata, mas sem chegar até a parte inferior, para que se mantenham unidas.  Isso fica facilitado se você a apoiar dentro de uma colher de sopa para que limite a profundidade do corte das lâminas (mas esqueci de fazer isso desta vez...).
Coloque as batatas sobre a forma forrada e untada com azeite e regue as batatas com metade do azeite com alecrim, separando um pouco, com cuidado, as “lâminas” (fatias) para que o líquido temperado penetre (hora de pôr as mãos na massa!!).
Feche o alumínio e leve ao forno por uns 20 minutos.
Abra-o, regue com o azeite restante, feche novamente o alumínio e leve de volta por mais uns  40 minutos.  Abra, espete um garfo para testar a cocção e, se estiverem já macias, retire o alumínio superior e leve ao forno bem quente por apenas uns dez minutos para que dourem ligeiramente.  Se não estiverem prontas, regue com o azeite da forma e asse por mais um tempinho antes de finalizar.
Sirva quentes, decoradas com um galhinho de alecrim.
Veja só que delícia!!

 

Sobre o Chef

Diana Marília

Texto sobre quem escreve

Você também vai gostar de: